JUNHO 2017

Chuva acima da média em maio veio assegurar a grande safra de milho segunda planta (safrinha). Produtores empenhados na solução de possíveis problemas logístico/comerciais. Pastagens, cana e perenes igualmente beneficiadas pelos dias quentes.

 
 SIMPÓSIO ESALQ
 Busca
 
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo
(mla)
:: CIÊNCIA E NAÇÃO: NELSON ROCKEFELLER, O IBEC RESEARCH INSTITUTE (IRI) E OS CAMINHOS DA OCUPAÇÃO DO CERRADO BRASILEIRO (1946-1980)
Claiton Marcio da Silva
A ênfase da agência esteve, durante a segunda metade da década de 1950, para a produção de conhecimentos voltados ao aumento da fertilidade do solo do Cerrado brasileiro.

Determinados aspectos resultantes deste processo, por um lado, podem ser observados nas estatísticas de crescimento demográfico da região central do país, nas formas de ocupação do solo adotadas desde então e da produção agrícola cada vez mais pautada por processos modernos. Por outro lado, a degradação ambiental é assunto recorrente quando se trata do Cerrado.

Para ler a íntegra do artigo, publicado originalmente nos Anais do XXVI Simpósio Nacional de História – ANPUH • São Paulo, julho 2011, clique aqui



(mla)
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo

Conveniada: Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz - FEALQ 
Contato: agrisus@agrisus.org.br e agrisus@fealq.org.br