NOVEMBRO 2017-Chuvas pesadas R1 e R2 , com fortes erosões em solos mal protegidos por palha. Falta de chuva R3 e R4, retardaram plantio de soja, comprometendo a 2ª safra. Pegamento incerto floradas de café e citros. Seca favoreceu praga bicudo na cana.
 
 LIVRO ESALQ
 Busca
 
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo
(mla)
:: CAMPEÃO PARANAENSE CONSEGUE PRODUTIVIDADE DE 149,08 SCS/HA NA SOJA
Esta foi a quarta participação consecutiva de Marcos Seitz no Desafio, e a segunda vez que conquistou o título. Na safra 2012/2013 ele registrou a produção de 110,5 sc/ha para ser o campeão. Naquela ocasião ele também registrou o novo recorde nacional.

Para mais informações sobre o concurso e as práticas adotadas pelo vencedor clique aqui

Em entrevista ao "Notícias Agrícolas", ele fala sobre fatores que colaboraram para o sucesso dessa lavoura, como o espaçamento reduzido, de 22,5 cm, uma adubação de 600kg de NPK, cinco aplicações de fungicidas e inseticidas e cinco doses de inoculantes aplicados diretamente no sulco. Além disso, o clima também colaborou.

Para ver a íntegra da matéria clique aqui.

Fonte: Comitê Estratégico Soja Brasil (CESB)
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo

Conveniada: Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz - FEALQ 
Contato: agrisus@agrisus.org.br e agrisus@fealq.org.br