JUNHO 19

Mês frio das tradicionais festas juninas, este ano deve ter calor acima da media em grande parte do país. Produtividades de plantas de inverno afetadas de forma imprevisível.

 
 ENTREGA PRÊMIO
 Busca
 
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo
(mla)
:: EFICIÊNCIA DA ADUBAÇÃO NITROGENADA NO SISTEMA SOLO-SOJA EM AMBIENTE TROPICAL E SUBTROPICAL
Os dados da biometria das plantas no estádio R5.3 em Primavera do Leste evidenciam que apenas a altura de plantas diferiu entre as épocas de aplicação de N, de modo que, as plantas ficaram mais altas quando o N foi aplicado em VE. Não houve diferença entre as doses, nem interação entre as fontes de variação. Como o número de nós da haste principal não sofreu influência dos tratamentos conclui-se que a maior altura das plantas se deu pelo alongamento dos internódios.

Em relação a MS das diferentes partes da planta em R5.3, não houve diferenças entre os tratamentos. A maior altura das plantas quando feita a aplicação de 10 N em VE, não resultou em maior MS de hastes. Isso significa que as plantas não alocaram mais carboidratos na haste.

Para ler o relatório completo clique aqui

O resumo do trabalho foi apresentando também em um poster em simpósio científico, mostrando os resultados obtidos até o momento. Para ver o poster clique aqui

Fonte: José Laércio Favarin e Clovis Pierozan Junior
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo

Conveniada: Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz - FEALQ 
Contato: agrisus@agrisus.org.br e agrisus@fealq.org.br