MARÇO 2019

Colheita da soja avança para o final e milho segunda safra consolida plantio. Chuvas e calor recuperam desempenho de cultivos perenes.

 
 CARTILHA SPD
 Busca
 
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo
(mla)
:: CICLAGEM DE NUTRIENTES POR PLANTAS DE COBERTURA E COMPARTIMENTOS DE CARBONO EM SISTEMA DE ROTAÇÃO SOJA-MILHO EM ÁREA DE TRANSIÇÃO CERRADO-AMAZÔNIA NO MATO GROSSO
Como o SPD tem como requisito básico o não revolvimento do solo, rotação de cultura e o uso de plantas de cobertura visando a formação de palhada sobre o solo, estas podem afetar a dinâmica da matéria orgânica do solo e a disponibilidade de nutrientes para culturas subsequentes, seja pela alteração dos compartimentos de carbono e/ou pela ciclagem de nutrientes.

Assim, o uso de plantas de cobertura pode por disponibilizar maiores quantidades de amônio ao solo, via processo de mineralização do N, redução da lixiviação de potássio e nitrato, maior disponibilidade de fósforo, cálcio, magnésio e outros nutrientes, e, alterações nos compartimentos de carbono pode viabilizar de forma sustentável, a produção do milho em rotação com soja.

Importante ressaltar que para a região do Centro Norte de MT pesquisas dessa natureza ainda são escassas, e tal fato requer atenção, pois trata-se de uma região destaque no cenário mundial de produção de grãos.

Para ler a íntegra do relatório clique aqui

Fonte: Fabiano André Petter
Voltar VoltarImprimirEnviar para um amigo

Conveniada: Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz - FEALQ 
Contato: agrisus@agrisus.org.br e agrisus@fealq.org.br